"A hora é agora, Joel.
E não estou falando do Caio"

"Forget what happened yesterday
I know that better things are on the way"

O futuro é agora para o Botafogo. Após a decisão da Conmebol que permitiu novamente que o Campeonato Brasileiro garantisse quatro vagas na Libertadores, o Botafogo não pode mais vacilar. Não há mais desculpas para escalações covardes e jogadores se escondendo em campo. O Botafogo não tem mais direito de errar.

Eu já estou convencido que Joel será o técnico até o final do ano, por mais que ele tenha perdido a sua sorte e, assim, voltado a ser o técnico medíocre que sempre foi. Portanto, que alguma coisa ilumine aquela prancheta odiosa e, assim, possibilite ao neoluddita Joel entender que não há a menor possibilidade de ele revolucionar o futebol fazendo um time jogar sem meio-campo.

Queremos o time ofensivo e marcador de volta. Maicosuel e Herrera fazem parte do passado, mas é inadmissível Renato Cajá sentar-se ao lado do Renan enquanto Lúcio Flácio #lucioflaveia em campo.


O Botafogo não pode ser pressionado como tem sido nos últimos jogos. Somália tem que jogar mais avançado no lugar do Lúcio Flávio, marcando os volantes do outro time. Ainda mais agora que o divertido cabeça de área voltou a exibir um bom preparo físico. Se houver do outro lado um apoiador de destaque, é Fahel quem deve marcá-lo, não o Leandro Guerreiro. Marcelo Mattos voltou bem, mas cansou rápido. Entretanto, irá ajudar na passagem da defesa para o ataque, já que esta estava sendo realizada na base da ligação direta.

Caio não pode jogar de lateral, deixando um buraco lá atrás e ficando, na maioria das vezes, longe da área. Quando entrar, é alternando com Jóbson o posicionamento em cada lado do campo. O Botafogo não pode ter apenas o Loco isolado lá na frente com o Jóbson brigando lá atrás contra dois ou três zagueiros.

Mas, Joel, você pode fazer qualquer coisa, até colocar o Caio quando o alarme do seu relógio avisá-lo que já estamos aos 20 minutos do segundo. O que você não pode é deixar o Lúcio Flávio em campo. Isso é crime de lesa-pátria!

Que Jefferson esteja inspirado e que o Loco volte a ficar com raiva. O futuro só depende de nós.

OBS: #lucioflaviar v. intransitivo - 1) ato de simular uma função para a qual uma pessoa foi designada; 2) estado físico no qual o sujeito boceja intermitantemente levando, assim, a perda dos reflexos e da velocidade; 3) ato de acovardar-se diante de uma situação de pressão e/ou perigo.