Que jogo chato! Alguns podem até falar que essa seleção ganhou "isso e aquilo", mas é inegável que estamos diante de um processo iniciado pelo São Paulo em 2007, onde o mais importante é não levar gols e, a partir daí, tentar controlar o jogo e buscar o gol.

Existem, claro, algumas diferenças. O Brasil joga com dois volantes terríveis. Felipe Melo e Gilberto Silva não podem ser convocados para nenhuma das 32 equipes que disputam a Copa, quanto mais serem titulares na seleção brasileira. O São Paulo jogava com Hernanes e Richarlyson que possuem técnica e sabem chegar à frente - com destaque para o Hernanes.


No meio, hoje, o Brasil contava com Daniel Alves e Júlio Batista. E o que se viu foi uma mediocridade sem limites. Para falar a verdade, a seleção não conta com um autêntico meia. Kaká, além de estar mal fisicamente, nunca deveria jogar nessa posição e, sim, mais próximo dos atacantes. Quem deveria estar ali seria o Diego, o Ganso ou até mesmo o Ronaldinho Gaúcho.

Mas, não. Temos volantes sobrando para deixar o Joel Santana e o Celso Roth morrendo de inveja. Com isso, fica a pergunta: quem vai criar nesse time? Vamos ficar dependendo eternamente das subidas dos laterais ou de um lampejo do Robinho?

E que jogador é o Nilmar. Acredita em todas, e é extremamente rápido e objetivo. Merece ser titular.

OBS: Até o Josué jogou hoje. E o Kleberson foi convocado enquanto os meias que eu citei ficaram em casa.

CLIQUE NA PROPAGANDA ABAIXO
E AJUDE A MANTER O SITE